Para garantir moradia digna para a população, a Prefeitura de Hortolândia, em parceria com a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo), realiza a última etapa do mutirão de assinaturas de regularização fundiária, neste sábado (23/01). O mutirão será das 9h às 11h30, na EMEF (Escola Municipal de Educação Fundamental) Dayla Cristina Souza de Amorim, localizada na rua Salvador (antiga rua Projetada 4), 500, Jardim Santiago.

De acordo com a CDHU, o mutirão beneficia famílias que moram nos bairros Jardim Santiago, Jardim Aline, Jardim Conceição e Vila Guedes. A regularização fundiária destes lotes integra o pacote de ações dos 100 primeiros dias da atual Administração.

LEIA TAMBÉM

De acordo com a Secretaria de Habitação, está última etapa será para as famílias que ainda não haviam sido convocadas e para aquelas que não compareceram nas duas etapas anteriores. As famílias assinam, com a CDHU, o documento que regulariza os imóveis onde já viviam irregularmente. O mutirão é realizado em três etapas. As duas primeiras aconteceram nos dias 9 e 16 deste mês.

Para evitar a disseminação do Coronavírus, a Prefeitura adotará os protocolos sanitários. Na entrada, haverá medição de temperatura. Será disponibilizado álcool em gel para higienização das mãos e o atendimento será realizado com o distanciamento necessário. A Prefeitura salienta que o uso de máscara é obrigatório.

Fonte: Prefeitura de Hortolândia

Leia também

Cronograma para a vacinação de idosos acima de 77 anos

A Secretaria de Saúde de Monte Mor, seguindo o Plano Estadual de Imunização (PEI), informa…