Uma mulher negra denunciou ter sido vítima de racismo após solicitar um motorista de aplicativo de carona inDriver e cancelar, logo em seguida, por conta da demora. As informações são do portal G1.

O episódio teria ocorrido nessa segunda-feira (10/02/2020) em Curitiba (PR). A vítima contou que passou a receber áudios racistas do motorista no WhatsApp.

“Por que você pede o carro se não precisa, sua filha da p***? Preta do c***. Gente como você a gente trata como verme. Teu endereço eu sei qual é, tá? Eu sei os dois endereços que você colocou. A gente se cruza aí, sua a***, sua preta do inferno”, teria dito em áudio.

O homem ameaçou ainda colocar a foto da mulher em grupos de motoristas e incentivar a bloqueá-la. “Vai arrumar o que fazer, escrava do c***”, completou.

A Polícia Civil investiga o caso. Identificado, o motorista vai ser intimado e formalmente interrogado.

O agressor conseguiu o número da vítima pelo próprio aplicativo de caronas. Procurado, o inDriver não respondeu aos questionamentos do Metrópoles.

Fonte: Metropoles

Leia também

Serasa e mais 34 contratam para estágio e trainee

Pessoas trabalhando (Hinterhaus Productions/Getty Images) Mira uma vaga de trainee&nb…