A empresa Santista informou que ainda não demitiu ninguém, a jornada e o salário podem ser reduzidos por até 90 dias

A empresa Santista Têxtil, localizada na cidade de Americana, informou que reduziu a jornada e salário ou suspendeu o contrato de todos os seus 1.160 funcionários em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

A empresa reduziu em 70% a jornada e salário de 638 profissionais e em 25% a de outros 429 trabalhadores. Os contratos de outras 93 pessoas foram suspensos.

Para os funcionários que ganham até R$ 3.135,00, se a empresa reduzir o rendimento em 50%, por exemplo, tem de cortar a jornada pela metade, nesse caso, o governo paga uma ajuda equivalente a 50% do seguro-desemprego.

Já os funcionários que tiverem suspensão de contrato, que tem validade máxima de 60 dias, o governo bancará uma ajuda equivalente ao valor integral do seguro-desemprego.

A suspensão de contratos e redução de jornada foi permitida por Medida Provisória 936, do governo federal. As pessoas afetadas recebem ajuda financeira da União.

A Medida Provisória editada no início de abril diz que, no caso de redução salarial e de jornada, o governo pagará um benefício ao trabalhador, nos moldes do seguro-desemprego, para compensar a perda.

 

Leia também

Começa obra de asfalto em três ruas do Parque Peron

Moradores de três ruas do Parque Peron terão, em breve, melhores condições de tráfego. A P…