Dois irmãos foram mortos baleados na noite de sábado (24) em Hortolândia (SP). O principal suspeito do crime é um policial penal aposentado, vizinho dos irmãos, e o crime teria acontecido após um desentendimento entre eles por causa de som alto. O suspeito está foragido.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a polícia foi acionada pouco depois das 19h e encontrou o corpo de um dos irmãos caído em frente à casa dele, no bairro Jardim Nova América. A esposa dele relatou que os dois estavam consumindo bebida alcoólica na calçada quando o suspeito chegou armado e começou a discutir com os irmãos.

LEIA TAMBÉM

Em seguida, ele baleou os dois e fugiu com o carro dele. A mulher disse ainda os três teriam desentendimentos antigos, mas o estopim da briga deste sábado teria sido o som alto.

Um dos irmãos morreu no local. O outro rapaz chegou a ser socorrido por uma ambulância do Samu, mas também não resistiu aos ferimentos.

As vítimas foram identificadas como Adelmo Ferreira de Lima, de 36 anos, e Eclécio Ferreira de Lima, de 39 anos. Os corpos deles foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML). A perícia foi acionada e recolheu quatro estojos e projéteis de arma de fogo no local.

A ocorrência foi registrada no plantão policial de Hortolândia como homicídio qualificado. Até esta publicação, a informação era de que o suspeito continuava foragido.

Com informações G1

Leia também

Vacina contra gripe: região de Campinas começa a imunizar idosos e professores nesta terça

LEIA TAMBÉM Vacina contra gripe: região de Campinas começa a imunizar idosos e professores…