O cantor Agnaldo Timóteo, que morreu hoje aos 84 anos de covid-19, havia tomado a segunda dose da CoronaVac dois dias antes de ser internado.

O Instituto Butantan explica em seu site que é possível se contaminar mesmo após a vacinação e que, após receber a segunda dose, são necessárias algumas semanas para atingir maior imunidade.

LEIA TAMBÉM

“Em conclusão, algumas pessoas podem ainda ter a doença ou a infecção mesmo tendo sido vacinadas, mas poderão ter uma forma menos grave da doença em função desta vacinação”, diz a nota do Butantan.

A assessoria do artista confirmou ao UOL que ele tomou a primeira dose no dia 15 de fevereiro e a segunda dose em 15 de março. Timóteo deu entrada no Hospital Casa São Bernardo, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, no dia 17 de março.

O intervalo entre a segunda dose e a internação do artista é curto e indica uma infecção antes da vacinação. Não é o primeiro registro de uma pessoa que contraiu a doença após receber as duas doses.

Leia também

Hortolândia fecha 10 bares por dia

A Prefeitura de Hortolândia fechou 10 estabelecimentos de comércio de bebidas por dia na p…