Mesmo com a chegada da vacina no Brasil, ainda não deu tempo o suficiente dos números melhorarem da pandemia e, em São Paulo, os índices de internação e casos por Covid-19 continuam aumentando. Dessa forma, o governador João Doria anunciou nesta sexta-feira (22), regras mais restritivas de isolamento social no estado.

Além disso, o governo estadual decretou que todos os municípios passem para a fase vermelha do Plano SP aos finais de semana e feriados. Enquanto que nos dias úteis, a fase vermelha deve valer a partir das 20h. Essa medida entra em vigor a partir de segunda-feira (25).

LEIA TAMBÉM

Nesta fase, apenas serviços essenciais podem funcionar, como mercados, farmácias e postos de gasolina. Já bares, restaurantes e o restante do comércio estão proibidos de abrir as portas. A princípio, a capital paulista e a Grande São Paulo ficarão na fase laranja.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, a aumento de casos e mortes pela doença atingem o interior de forma mais alarmante.

“O que nós podemos observar neste momento é que o interior atinge seu pico na pandemia. Nós temos a maior média móvel dada historicamente no interior do estado. A pandemia atinge todo o território aqui do estado, mas o interior de forma mais contundente”, afirmou em entrevista ao Bom Dia SP na manhã desta sexta (22).

Hortolândia

Nesta sexta-feira (22), segundo o decreto de João Doria, Hortolândia regride para a fase laranja de flexibilização. Assim, academias, salões de beleza, restaurantes, cinemas, teatros, shoppings, concessionárias, escritórios e parques estaduais podem funcionar por até oito horas diárias, com atendimento presencial limitado a 40% da capacidade e encerramento às 20h. Já o consumo local em bares está totalmente proibido.

Leia também

Boletim 45/21: Secretaria de Saúde de Monte Mor informa que 44 pessoas do município estão hospitalizadas por conta da Covid-19

Em seu quadragésimo quinto boletim, a Secretaria de Saúde de Monte Mor informa que hoje, 0…