Hortolândia segue na fase amarela do Plano São Paulo de retomada das atividades suspensas em função da pandemia do Coronavírus. O governo de São Paulo anunciou que a partir desta sexta-feira, 11 de setembro, todas as regiões do Estado estão classificadas nesta mesma fase.

A classificação permite que, além dos serviços essenciais, outras atividades com atendimentos presenciais, como bares, restaurantes, adegas, academias, salões de beleza, templos, entre outros.

LEIA TAMBÉM

A Prefeitura de Hortolândia divulga, diariamente, os dados de contágio, número de pessoas internadas e de pacientes curados da Covid-19 no município. De acordo com o boletim publicado no dia 10 de setembro, são 3529 casos confirmados, 3355 pacientes curados e 125 óbitos registrados. Os números representam uma taxa de recuperação de 95% em Hortolândia, enquanto a taxa sua respectiva região é de 93%, já a letalidade em Hortolândia é de 2,2%, em comparação, a taxa de letalidade do Estado de São Paulo é de 3,7%.

Os dados colocam Hortolândia como referência no Estado no combate à pandemia e refletem o reforço na infraestrutura da cidade com a criação da Unidade Respiratória do Nova Hortolândia, a entrega da 1ª ala de UTI, que faz parte da ampliação e reforma do Hospital Mário Covas, das ações de descontaminação das vias públicas, trabalho intenso de fiscalização e da cooperação do comércio e da população na adesão das medidas sanitárias e preventivas, como o reforço nos hábitos de higiene e o uso de máscaras.

A prevenção e enfrentamento da pandemia é prioridade máxima, e o trabalho na recuperação da atividade econômica é fundamental para que os cidadãos tenham a oportunidades e para que a cidade de desenvolva de forma consistente.

Leia também

Triatletas transplantadas e EMS unidas pela doação de órgãos

Débora Reichert, Patricia Fonseca e Priscilla Pignolatti têm em comum muito mais do que se…