No dia 8 de agosto é comemorado o Dia Nacional do Combate ao Colesterol. A data é importante para conscientizar a população e prevenir doenças cardiovasculares. Por isso, conversamos com duas especialistas que selecionaram alimentos que, aliados a hábitos alimentares saudáveis e a prática de exercício físico, ajudam no tratamento do colesterol.

O QUE É COLESTEROL?

O colesterol é um tipo de gordura essencial para nossa saúde e o funcionamento do corpo humano. Segundo a nutricionista Fernanda Migotto, o colesterol é o precursor de hormônios sexuais, da vitamina D e da formação dos ácidos que promovem a digestão das gorduras da alimentação. O problema surge quando os níveis de colesterol “ruim”, o LDL, estão acima do indicado, aumentando o risco de doenças cardiovasculares como o infarto e Acidente Vascular Cerebral, o AVC. Em adultos, geralmente o excesso de colesterol no sangue está associado à obesidade, alimentação inadequada e falta de exercícios físicos.

Alguns alimentos auxiliam no tratamento do combate ao colesterol e ajudam a manter os níveis controlados, mas a nutricionista alerta: ”não há um alimento que isoladamente possa ser utilizado para o tratamento de níveis elevados de colesterol. É importante salientar que é necessário uma mudança geral de estilo de vida que inclui uma alimentação saudável, perda de peso, quando necessário, atividade física regular, eliminar o fumo e, em alguns casos, o uso de medicamentos prescrito por um médico especialista. No entanto, o consumo regular de fibras solúveis na alimentação pode ser aliada na redução do colesterol”.

ALIMENTOS QUE COMBATEM O COLESTEROL

combate ao colesterol

combate ao colesterol

Dia 8 de agosto comemora-se o Dia Nacional do Combate ao Colesterol | Foto: GettyImages

Para auxiliar o combate ao colesterol e a redução dos níveis de colesterol no sangue deve-se investir, além de uma alimentação adequada e prática de exercícios físicos, em alimentos integrais, frutas com casca e verduras.

As fibras solúveis, como o farelo de aveia, na presença de água, formam um gel que, posteriormente será eliminado naturalmente pelo corpo, reduzindo o colesterol no sangue. Segundo a nutricionista Migotto, as principais fontes de fibra solúvel estão nos seguintes alimentos:

1- Cereais, como a aveia, a cevada e o milho

2- Frutas, como a banana, a maçã e o abacate

3- Leguminosa, como feijões e ervilhas

4- Legumes, como a couve-flor, a abobrinha e a cenoura

5- Sementes oleaginosas, como a linhaça, a chia, o coco, a amêndoas, a castanhas e as nozes

5- Dê preferência a gorduras monoinsaturadas, como o azeite de oliva

ALIMENTOS QUE DEVEM SER EVITADOS

combate ao colesterol

combate ao colesterol

Saiba quais os alimentos que devem ser evitados para combater o colesterol | Foto: GettyImages

Migotto explica que “os estudos reafirmam a relevância de se manterem quantidades moderadas de gordura na dieta, eliminar ácidos graxos trans, priorizar poli-insaturadas e monoinsaturadas“. A nutricionista Regina Alves, complementa que deve-se evitar produtos que possuem gorduras saturadas, como:

1- Embutidos

2- Manteigas

3- Carnes gordurosas, como a picanha e a pele de frango

4- Bolachas recheadas

5- Fast-food

6- Frituras em geral

7- Salgadinhos

8- Sorvetes prontos

9- Comidas industrializadas congeladas

Embora o colesterol alimentar não seja responsável isoladamente pelo aumento do colesterol no organismo, já que os fatores genéticos também são relevantes, os alimentos ricos em colesterol devem ser ingeridos com moderação em conjunto com hábitos de vida saudáveis. “O consumo de gorduras deve perfazer de 25 a 35% da composição do valor calórico total da dieta”, afirma a nutricionista Migotto.

LEIA TAMBÉM

Fonte: Guia da Cozinha

Leia também

BOSCH divulga oportunidade(s) para Estágio – Banco de talentos para pessoas com deficiência (PCD) para Campinas e região

[email protected] ao lugar onde suas ideias levam a algo maior. Um dos nossos pilares da diversida…