Quer receber as principais Notícias de Hortolândia pelo Whatsapp?
Inscreva-se agora.
Para participar, basta adicionar nos seus contatos o número (19) 98190-8674 e enviar uma mensagem pelo WhatsApp

Chegou a época de reunir a família e os amigos em torno da mesa para confraternizar e, claro, comer bem! Os pratos práticos são essenciais no dia a dia, mas o dia 24 de dezembro pede algo mais elaborado. Ainda que este seja o seu primeiro Natal como anfitrião, neste Guia você vai aprender a fazer as melhores escolhas para um noite feliz e entender como preparar .

O que você vai encontrar neste Guia:

  • Como escolher o cardápio: o que servir e como compor a mesa 
  • Como se organizar para receber quem não come de tudo
  • Ceia de Natal vegana e vegetariana
  • Como enganar a fome até a meia-noite: receitas de aperitivos
  • Como calcular a quantidade de comida para a ceia de Natal 
  • Como calcular a quantidade de bebida
  • Como economizar na ceia
  • Receitas de drinks para o Natal
  • Como dividir os preparos para não se sobrecarregar no dia
  • Assados ressecados: um drama de Natal. O que fazer para isso não acontecer?
  • 5 dicas para cozinhar para muita gente
  • Como decorar a mesa para a ceia de Natal: ideias para se inspirar

Como escolher o cardápio: o que servir 

O segredo de uma ceia de Natal tradicional está na escolha de pratos clássicos. Você sabe do que estamos falando: peru, tender, farofa, salpicão, pavê… Cada um desses pratos está numa categoria do cardápio, que precisa ser bem escolhido para que quando as as pessoas peguem um pouquinho de cada coisa, toda aquela comida combina entre si.  Veja algumas dicas:

Prato principal

Ceia de Natal completa tem assados como protagonistas. Aposte nos pratos típicos, mas sempre cumprindo a regra de variar. O ideal é servir pelo menos duas opções de assados. Além das aves natalinas, como peru e chester, outros tipos de carne combinam com o momento. É o caso do pernil, tender, lombo e cordeiro. Para quem prefere peixes, bacalhau é uma boa pedida na noite. 

Receitas de Pernil
Receitas de Lombo
Receitas de Chester

Acompanhamentos 

Para fazer uma ceia de Natal tradicional brasileira, aposte nos acompanhamentos que são queridinhos nacionais: arroz e farofa. Ambos combinam com qualquer assado escolhido e rendem receitas natalinas saborosas, variadas e visualmente atraentes, tornando a mesa da ceia mais bonita e convidativa.

Receitas de Farofa
Receitas de Arroz Natalino
Receitas de Tortas Salgadas

Saladas

Opções de saladas natalinas não faltam. Salpicão e maionese são patrimônios nacionais do Natal do brasileiro, mas saladas verdes também são boas pedidas. Porque são leves para saborear altas horas da noite, quando a ceia acontece e ajudam a dar frescor ao prato de Natal, que tende a ser mais gorduroso e pesado. 

Receitas de Salpicão

Sobremesas

O momento da sobremesa deve render mais do que a famosa piada  “é pavê ou pacumê?” da ceia de Natal tradicional brasileira. Pudim, rabanada e manjar são os doces principais da festa natalina. Frutas frescas também têm tudo a ver. Elas costumam agradar a praticamente todo mundo e ainda ficam lindas na decoração da mesa. Não se esqueça do panetone ou chocotone, que podem ser servidos com sorvete – outra paixão nacional.

Receitas de Pavê
Receitas com Biscoito
Receitas de Tortas Doces
Receitas de Bolos

Como se organizar para receber pessoas que não comem de tudo

Sempre tem os convidados com o paladar muito seletivo. São os que sentem repulsa pelo sabor, cor, aparência, consistência ou cheiro de alguns tipos de alimentos. E acabam rejeitando vários pratos, para desespero do anfitrião, que vai precisar saber descascar esse abacaxi.

Se você já sabe que alguém da sua lista de convidados tem esse perfil, fica mais fácil de contornar a situação. Mas caso você não conviva muito com alguns dos convidados, a saída é se precaver.

Em geral, essas pessoas têm problemas para comer vegetais e frutas, laticínios, peixes e frutos do mar. Uva passa, fio de ovos e frutas em calda, bem típicos do Natal, também costumam causar rejeição. Da mesma forma, misturar doce com salgado não costuma dar certo com esse convidados.

Em contrapartida, os carboidratos são receitas de sucesso, na maioria dos casos. Com essa dica, a sugestão é apostar em massa como um dos pratos principais para garantir que vai agradar até mesmo aos mais difíceis de comer. 

Receitas sem uva passa

Ceia de Natal vegana e vegetariana

Se entre os seus convidados terão veganos ou vegetarianos, é importante pensar em um cardápio especial e completo para eles. Ainda tem dúvidas sobre esses estilos de vida? Em relação à comida, veganos não consomem nada de origem animal, inclusive leite e mel. Já os vegetarianos, não comem carne. 

Seitan é uma carne vegetal à base de proteína do cereal que pode substituir os assados da ceia de Natal tradicional. Massas veganas acompanhadas de shimeji também são ótimas opções e prato principal. Enfim, com um pouco de criatividade, qualquer prato tradicional pode se tornar vegan, basta substituir os ingredientes por opções “animal free”. 

Receitas sem carne para a Ceia de Natal

Como enganar a fome até a meia-noite: receitas de aperitivos

Servir a ceia de natal antes ou pontualmente à meia-noite? Essa discussão vai longe. O fato é que cada família escolhe o seu momento de servir a refeição. Para evitar que alguém passe fome até lá, a dica é servir petiscos. Patês, brusquetas, canapés… São muitas as opções! 

Separamos algumas receitas para ajudar você a enganar a fome dos convidados:

Bolinho de Bacalhau
Dadinhos de Tapioca
Miniquibe Recheado
Tirinha de Pão Empanado com Queijo
Damasco com Patê de Salmão
4 Patês Fáceis
Minibrusqueta italiana
Canapés de Beterraba

Como calcular a quantidade de comida para a ceia de Natal 

Desafio do cardápio concluído, o próximo é definir a quantidade certa para servir a todos os convidados e evitar o desperdício. O primeiro passo para acertar é ter em mãos a lista de pessoas que vão à confraternização. Faça um convite formal e confirme presença para começar a se organizar com antecedência e evitar imprevistos.

Aperitivos 

Considere, por pessoa, de 4 a 8 salgadinhos e de 80g a 100g de frios. Se for servir patês, faça três colheres para cada convidado. 

Prato principal 

Em geral, cada carne típica natalina serve de 8 a 10 pessoas. Você também pode considerar 250g por convidado para que todos saiam satisfeitos. 

Acompanhamentos 

Faça, em média, 4 colheres de sopa de farofa para cada pessoa e 1 copo americano de arroz para cada 4 pessoas. Para uma ceia de Natal com mais ou menos 15 convidados, aposte em 1 kg de cada uma dessas guarnições. 

Sobremesas 

Calcule duas porções de sobremesas, como pavê, por pessoa. Em caso de pudim e manjar, por exemplo, pense em 60g a 100g por convidado. Vai ter sorvete? Cada 1 litro serve aproximadamente 6 pessoas. 

Como calcular a quantidade de bebida

Quanto de bebida oferecer na ceia de Natal? Considerando os tradicionais da noite, você pode calcular a quantidade se baseando no número de pessoas que cada garrafa serve. Uma de vinho, por exemplo, dá para 6 pessoas. Já uma de espumante pode ser apreciada por 3 pessoas. 

E bebidas não alcoólicas? Aposte em 500 ml de refrigerante  e 250 ml de água e de suco por pessoa. Essas quantidades variam de acordo com o perfil dos seus convidados, que podem consumir mais de um tipo de bebida do que de outro. Analise quais drinks sairão mais e invista em garrafas extras para evitar que faltem. 

Fica outra dica aqui: coloque as bebidas em cooler. Além de facilitar o acesso de todos, isso também é uma forma de reduzir espaço na geladeira para as comidas e sobremesas da ceia. 

3 truques para gelar rápido as bebidas das festas de fim de ano

Como economizar na ceia de Natal

Sim, é possível fazer uma ceia de Natal tradicional e completa sem arruinar o seu orçamento. Começando pelo prato principal. O peru é umas das carnes mais caras da época, mas há outras que rendem receitas tradicionais e tão saborosas quanto, como o chester e o pernil. 

Nozes, castanhas e frutas secas ficam bem mais baratas se compradas a granel, em armazéns, empórios e mercados municipais. Em mercados que não vendem a granel esses ingredientes custam muito mais e têm a desvantagem adicional de não permitir comprar somente a quantidade desejada, já que as embalagens são fechadas.

Para beber, em vez de vinhos importados e refrigerantes, sirva cerveja e sucos de frutas. Na feira você pode barganhar preço por uma grande quantidade de frutas, já que elas serão utilizadas também no preparo de guarnições e sobremesas. E lembre-se, as frutas da época custam menos e são mais frescas. 

Receitas de drinks para o Natal

Colocar drinks no cardápio da ceia de Natal é uma forma de inovar sem sair do tradicional. Você pode até montar uma mesa somente com os ingredientes, assim os próprios convidados preparam suas bebidas enquanto confraternizam. Confira algumas receitas: 

Moscow Mule
Amarula Caseira
Batida de Pêssego
Mojito Tradicional
Aperitivo de Vinho
Pisco Sour
Bloody Mary
Caipirinha de Saquê
Piña Colada

Como dividir os preparos para não se sobrecarregar no dia

Preparar uma ceia de Natal completa é uma tarefa trabalhosa, mas se organizar direitinho sobra tempo até para descansar antes da chegada dos convidados. Esse planejamento tem que começar alguns dias antes da data para garantir que a mesa esteja pronta e você disponível para receber os convidados e confraternizar com tranquilidade. 

Uma semana antes

Já fez a lista completa de tudo o que vai servir na ceia? Coloque no papel os pratos que escolheu e comece a procurar as receitas. Confira o que vai precisar para preparar os alimentos e analise se você tem todos os recursos: seu forno tem espaço suficiente para cozinhar tudo no tempo desejado? Você tem os utensílios apropriados e na quantidade certa? Comece também a comprar os ingredientes. 

Outro ponto importante: confira o tempo de preparo de cada prato, já considerando a quantidade que você fará. Isso é fundamental para organizar o que  fazer primeiro e o que pode deixar para as últimas horas. 

Três dias antes

Compre as aves, carnes e peixes que vai servir na sua ceia de Natal. Algumas proteínas precisam ficar congeladas pelo menos 12 horas antes de serem assadas, como é o caso do peru. Ao se antecipar, você poderá conferir essas instruções e começar o preparo no tempo certo. 

Na véspera

Vai ter peru em sua ceia de Natal? Coloque para descongelar um dia antes. Algumas carnes, como pernil e bacalhau, também podem ser preparadas na véspera. Além de estar se antecipando, você ainda vai conseguir fazer um prato mais saboroso, já que as proteínas absorvem melhor o tempero quanto mais ficam expostas a ele antes de irem para o forno.

Se o assado for um pernil, na madrugada do dia 23 ele já pode ir para o fogo médio. Somente 7Kg dessa carne leva, em média, sete horas para ficar pronta. Portanto, poderá ser retirado logo nas primeiras horas da manhã do dia seguinte. 

No dia

O ideal é deixar para o dia 24 de dezembro  apenas os alimentos que tenham tempo curto de preparo, como os tradicionais acompanhamentos arroz e farofa. É o caso do tender também. A sugestão é levá-lo ao forno logo pela manhã, até porque pode ser servido frio na ceia.  

Já o peru deve ser assado horas antes do início da ceia. Calcule corretamente o tempo, baseando-se no horário em que pretende servir a refeição. Dessa forma, ele chegará quentinho à mesa. 

Comece a esquentar os alimentos com antecedência mínima de uma hora antes de servi-los na ceia. Como demoram mais para ficarem prontos, coloque no fogo primeiro as panelas mais cheias de comida.

Sem pesadelo na cozinha: aprenda a consertar o que pode dar errado na sua ceia

Assados ressecados: o que fazer para evitar o problema?

Ceia de Natal Tradicional - Imagem de um Peru de Natal

Apesar dos assados serem clássicos na ceia de Natal, muitas pessoas consideram difícil prepará-los. Em parte porque as carnes e aves natalinas tendem a sair ressecados do forno. Com algumas dicas é possível evitar esse problema.

1ª Conheça o seu forno. Aqui no Guia da Cozinha a gente sempre indica a temperatura de cozimento, mas conhecer o seu equipamento é fundamental. Por isso, coloque o seu forno para trabalhar a partir de agora e observe: no tempo de cozimento recomendado, o seu prato fica no ponto, cru ou queima?

2ª Cuidado para não queimar. Se a carne começar a tostar por fora, espete com a ponta de uma faca para checar se já está assada. Caso não esteja, sinal de que o forno pode estar quente demais. Diminua a temperatura do forno. Se, ainda assim, o assado continuar dourando em excesso, cubra com papel-alumínio.

3ª Garanta o molho. Durante o cozimento, pode ser que o líquido da assadeira seque. Se isso acontecer, regue com água fervente. Dessa forma, você assegura o vapor necessário para o assado ficar suculento. 

5 dicas para cozinhar para muita gente

Ceia de Natal Tradicional - Imagem de Muitas pessoas sentadas à mesa e comendo

No dia a dia você cozinha para, no máximo, 4 pessoas? E agora? Como cozinhar para 10 (ou mais) pessoas? O segredo está no planejamento. 

1- Verifique se tem os utensílios certos 

Fazer grandes quantidades de comida ao mesmo tempo requer panelas e outros utensílios grandes. Assim que confirmar a lista de convidados, confira se você tem os recursos necessários para isso e providencie aqueles que faltarem com antecedência. Ah, certifique-se de que tudo vai caber no seu forno e geladeira. Caso contrário, você pode pedir ajuda a um conhecido para armazenar e assar os alimentos. 

2- Aposte em um cardápio de Natal simples 

Para cozinhar em grande quantidade e em menor tempo, invista em um cardápio de Natal simples, cujos pratos não exijam muitas etapas de preparo. Aposte na variedade de molhos e de acompanhamentos fáceis de preparar. Isso vai facilitar a entrega do prato principal, que costuma ser a estrela da mesa. 

3 – Antecipe tudo o que puder 

Analise bem o cardápio escolhido em busca de todos os pratos que possam ser preparados na véspera e até dias antes da ceia. Você pode congelar algumas frutas, verduras e legumes cortadas, mas, antes de colocar a mão na massa, confira se esse procedimento não afetará a qualidade do alimento. 

4 – Sirva opções mais práticas de comer 

Dependendo da quantidade de convidados para a ceia de Natal, é provável que nem todos consigam lugar para sentar à mesa. Pensando neles, sirva alimentos já cortados e opções que dispensam o uso de faca. 

5 – Faça acompanhamentos que possam ser facilmente multiplicados 

Não é milagre, é planejamento. Apostar em um cardápio de Natal simples também ajuda a ampliar com mais facilidade a quantidade dos alimentos.

Ideias de como decorar a mesa para uma ceia de Natal tradicional

Ceia de Natal Tradicional - Imagem de Mesa Decorada com temas Natalinos

Alimentos prontos? Chegou o momento de montar a mesa para a ceia de Natal. Faça isso com pelo menos três horas de antecedência para garantir um ambiente convidativo e digno de muitas fotos para postar nas redes sociais e nos grupos de WhatsApp. 

  1. Cores clássicas da época reforçam a experiência da magia natalina. Aposte em vermelho, prata, verde e dourado. 
  2. Forre a mesa com uma toalha mais sofisticada, seguindo as cores natalinas. 
  3. Disponha enfeites no centro da mesa, alternando com as travessas de comida. 
  4. Flores e frutas dão mais vida à mesa de Natal e são ótimas apostas. 
  5. Frutas secas e pinhas também podem ser usadas na decoração da mesa natalina. 
  6. Já velas e bolas de Natal são opções para quem busca decorações mais simples e econômicas. 
  7. Componha a mesa com jogo americano, aparelhos de jantar, talheres, guardanapos e taças. 
  8. Evite enfeites em exagero. A composição da mesa deve ser funcional, deixando o acesso aos alimentos fácil. 

Fonte: Guia da Cozinha

Leia também

ADM do Brasil Divisão de Nutrição ANimal divulga oportunidade(s) para Coordenador de Melhoria Continua

 RESPONSABILIDADES: Coordenar a equipe de Analistas de Produção, visando assegurar a …