Neste sábado (15/02), nove UBSs (Unidades Básicas de saúde) da cidade estarão abertas, das 8h às 17h, para a realização do Dia D da Campanha de Vacinação contra o Sarampo. A lista das UBSs pode ser conferida abaixo. O público alvo da campanha, que vai até o dia 13 de março, são crianças e jovens com idade entre 5 e 19 anos. A vacina também está disponível, de segunda à sexta-feira, em todas as unidades básicas de saúde.

Para garantir a proteção, basta ir à unidade de saúde mais próxima de casa, durante a semana, ou em uma das UBSs abertas neste sábado, e levar a carteira de vacinação. A campanha será seletiva e os profissionais das salas de vacina avaliarão a necessidade de imunização de cada paciente, de acordo com o histórico de vacinas anotadas.

As unidades de saúde abertas neste sábado para o Dia D da Campanha também terão profissionais à disposição da comunidade para realizar coleta de Citologia Oncótica, exame para detecção de câncer de colo de útero, também conhecido como “papanicolau”. Além disso, beneficiários do Bolsa Família que precisam fazer a pesagem semestral, também poderão aproveitar a oportunidade e realizar o acompanhamento de peso com as equipes das UBSs.

Orientações

De acordo com a Secretaria de Saúde de Hortolândia, as crianças devem ter duas doses da vacina contra Sarampo e um reforço, conforme o Calendário Obrigatório. Já os adultos precisam ter, pelo menos, duas doses da vacina anotadas na Carteira e Vacinação. Qualquer pessoa com idade até 59 anos que não se vacinaram contra o Sarampo, ou não se lembram se já foram imunizadas alguma vez, podem procurar a UBS mais próxima de casa para que a equipe da sala de vacina avalie a necessidade da proteção.

O Sarampo, que estava erradicado no Brasil, foi reintroduzido no território nacional. Desde agosto de 2019, as unidades de saúde de Hortolândia passaram a oferecer vacina contra Sarampo para crianças de seis a 11 meses de idade, por recomendação do Ministério da Saúde. A medida tem como objetivo ampliar a cobertura vacinal e oferecer proteção para as crianças menores de 12 meses,  contribuindo para o controle da doença. Na ação de reforço, a dose extra aplicada de seis a onze meses não terá validade como rotina: as crianças precisam ser vacinadas novamente aos 12 e 15 meses de idade. A Prefeitura também realiza ação de bloqueio após a notificação de suspeitas, mesmo antes da doença ser confirmada ou descartada, com vacinação das pessoas que tiveram contato com o paciente. Neste ano, dois casos da doença são investigados na cidade.

UBSs que abrirão no Dia D (15/02):

•UBS Nova Hortolândia

•UBS Amanda I

•UBS Amanda II

•UBS Rosolem

•UBS Novo Angulo

•UBS Santa Clara

•UBS Figueiras

•UBS Pq. do Horto

•UBS São Jorge

Fonte: Prefeitura de Hortolândia

Leia também

Apoio Tático da GM localiza carro roubado na Vila Hortolândia

Bandidos armados invadiram uma casa na Vila Hortolândia na tarde de sexta-feira (21) e rou…