Em paralelo ao enfrentamento à pandemia do Coronavírus, a Prefeitura de Hortolândia fortalece o trabalho de prevenção a outras doenças. Uma delas é a Toxoplasmose em gestante. Nesta semana, a Secretaria de Saúde realizou uma roda de conversa online (foto) sobre a doença com as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município. Participaram cerca de 60 pessoas, dentre coordenadores e profissionais técnicos das unidades. A atividade foi ministrada pelos departamentos de Atenção Básica em Saúde, Atenção Especializada e Vigilância Epidemiológica. De acordo com a Secretaria de Saúde, a Toxoplasmose em gestante passou a ser doença de notificação compulsória desde 2016, conforme determinação do Ministério da Saúde.

De acordo com a diretora do Departamento de Atenção Especializada da Secretaria de Saúde, Maria de Fátima Gomes Oliveira, a atividade é para sensbilizar e capacitar as equipes das UBSs para que estejam aptas a fazer atendimento, orientação e prevenção à doença junto à população, em especial as gestantes. Na atividade foram abordados temas como sintomas, diagnóstico e tratamento da doença. De acordo com a Secretaria de Saúde, está prevista a realização de mais encontros.

LEIA TAMBÉM

PRÉ-NATAL

A toxoplasmose é uma doença infecciosa causada pelo protozoário (microorganismo unicelular) Toxoplasma gondii. A infecção pelo protozoário pode ocorrer em seres humanos e animais. A transmissão pode ocorrer pela ingestão de carne crua ou mal cozida, de água e/ou legumes contaminados, provenientes do solo, lixo ou de qualquer local onde gatos defecaram, ou da mãe para o feto.

Geralmente, a doença não apresenta sintomas. Porém, a maior preocupação é quando a infecção ocorre no início da gestação. Neste período, o feto pode ser infectado pela mãe, daí o risco de ocorrer a doença. “Por isso, é importante que a mulher faça o pré-natal assim que descobre que está grávida”, salienta a diretora Maria de Fátima Gomes Oliveira. Dentre os riscos da doença estão aborto, morte ou mal formação do feto, nascimento prematuro e problemas de visão, podendo causar cegueira no feto. 

O diagnóstico da doença é feito por meio de exame de sangue que é oferecido pela rede municipal de Saúde. A Secretaria de Saúde ressalta que o tratamento durante a gestação é muito importante para garantir a saúde da mãe e principalmente do bebê. O tratamento é sempre indicado quando ocorre suspeita ou confirmação de infecção aguda na gravidez. Os medicamentos são oferecidos pela rede municipal de Saúde.

Confira abaixo dicas para prevenir a Toxoplasmose em gestante:

– Higienizar as mãos antes das refeições ou após manusear lixo, ter contato com gatos, manipular alimentos ou manusear terra

–  Utilizar luvas ao manipular carnes cruas ou manusear terra ou solo

– Consumir apenas água filtrada ou fervida. Manter os reservatórios de água bem fechados

– Higienizar frutas, legumes e verduras em água corrente antes do consumo

– Higienizar tábuas de corte, facas, balcões e pia após a preparação de alimentos

– Não consumir carnes cruas, malcozidas ou malpassadas e não provar a carne crua durante seu preparo. Cozinhar a carne a pelo menos 67° C (ao ponto para bem passada)

– Evitar ingerir carnes defumadas ou curadas em salmoura e embutidos (salame, copa, lingüiça, entre outros)

–  Não consumir leite e derivados crus e não pasteurizados, seja de vaca ou de cabra

– Evitar o contato com cães que andam soltos. Cães também podem transmitir a doença ao sujar o pelo no solo onde haja fezes de gato

– Alimentar gatos com ração, não deixando que façam ingestão de outros animais caçados ou carne crua

– Evitar que a gestante troque a caixa de areia de gatos domésticos. Caso não seja possível, a gestante deve limpar e trocar a caixa diariamente, utilizando luvas e pá, além de colocá-la ao sol com frequência. 

– Evitar o contato com fezes de gato no lixo ou solo. Caso haja contato, higienizar as mãos

Fonte: Prefeitura de Hortolândia

Leia também

Boletim 40/21: Secretaria de Saúde de Monte Mor informa que 18 pessoas do município estão hospitalizadas por conta da Covid-19

Em seu quadragésimo boletim, a Secretaria de Saúde de Monte Mor informa que hoje, 25 de fe…