MERENDA ESCOLAR: uma necessidade para educação de qualidade

Nenhuma criança ou jovem das escolas de Hortolândia ficará sem a alimentação escolar. A única mudança que vai ocorrer é que, a partir de segunda-feira (30/09), nas escolas estaduais, o fornecimento será feito pelo Governo do Estado.

Nas escolas municipais, que atendem cerca de 25 mil alunos, a merenda continua sendo servida pela Prefeitura.

Há alguns anos, a Prefeitura serve a merenda escolar também nas escolas estaduais.

Isso por compreensão do Governo Municipal da importância da qualidade da refeição atingir todas as faixas etárias de nossos jovens e, principalmente, em razão da situação financeira do Município ser favorável, o que permitia a parceria com o Estado.

No entanto, com o agravamento da crise econômica, esta situação se tornou impossível. O investimento só com as escolas estaduais passou de R$ 8 milhões, recurso que o Estado não tem como repor ao município. Sendo assim, o Governo do Estado fez a opção por reassumir a sua responsabilidade.

Com isso, a partir do dia 30, o Estado volta a fornecer a merenda aos 19.400 estudantes das 25 escolas da rede estadual.

Manteremos o esforço constante de continuar com nossa merenda escolar com a qualidade que todos já aprovaram.

Prefeitura de Hortolândia

Fonte: Prefeitura de Hortolândia

Leia também

DPVAT foi extinto por MP, que pode caducar, diz Bolsonaro

Presidente da República, Jair Bolsonaro, no almoço oferecido aos líderes do Brics, na tard…