Um jovem de 17 anos, padrasto do menino Erlon Gabriel, de 2, desaparecido desde quinta-feira (06/02/2020), foi apreendido na Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca) nessa quarta-feira (12/02/2020), suspeito de participar de um latrocínio em Manaus.

De acordo com a polícia, o crime ocorreu há 2 anos, quando jovem ainda tinha 15. Ele e outros comparsas arquitetaram um assalto a um motorista de aplicativo que acabou em morte.

O suspeito estava desaparecido desde o crime e foi localizado agora, com o desaparecimento do menino Erlon.

Leia a reportagem completa no portal Manaus Alerta, parceiro do Metrópoles.

Fonte: Metropoles

Leia também

Serasa e mais 34 contratam para estágio e trainee

Pessoas trabalhando (Hinterhaus Productions/Getty Images) Mira uma vaga de trainee&nb…