A Polícia Civil investiga a morte de mais de 30 gatos em um condomínio na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro (RJ). Os animais amanheceram mortos após suposta discussão entre moradores sobre a presença deles no local.

O síndico do condomínio foi intimado a depor. Os gatos, que vivem em uma mata junto ao condomínio, sempre foram motivo de discussão entre os moradores.

“A gente não consegue descobrir quem tem a capacidade, ou quais as pessoas que têm a capacidade de fazer uma maldade dessa”, destacou Adriana dos Santos, moradora do local, ao portal G1.

De acordo com a 15ª DP (Gávea), foi realizada uma perícia no local e pedido exame de necropsia para certificar a causa da morte dos animais.

“A delegacia realiza diligências para coletar informações que possam auxiliar nas investigações“, informou a corporação, em nota.

Fonte: Metropoles

Leia também

Coronavírus: Hortolândia confirma mais duas mortes e chega a 35

A prefeitura de Hortolândia (SP) confirmou na noite desta quinta-feira (2) mais duas morte…