As circunstâncias do desaparecimento de Edilene Cordeiro, 9 anos, encontrada na última terça-feira (11/02/2020), no distrito de Paricatuba (AM), foram esclarecidas pela polícia. De acordo com a Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), a menina já havia fugido algumas outras vezes porque sofria exploração sexual e trabalho forçado dentro de casa.

Ainda de acordo com Joyce Coelho, delegada responsável pelo caso, a jovem foi levada para um abrigo definitivo. “Ela nem sabe ler, tem nove anos e manifestou o desejo de querer estudar. Ela estava no sinal pedindo dinheiro porque queria comprar material escolar. Agora ela vai poder estudar”, informou.

Veja a matéria completa no site Manaus Alerta, parceiro do Metrópoles. 

Fonte: Metropoles

Leia também

Após reforma, Hospital Municipal terá oferta de exame de tomografia

O Hospital Municipal e Maternidade Mário Covas, no Jd. Mirante, em Hortolândia, passa pela…