Foto: TV Jornal de Limeira – O auxiliar administrativo, de 37 anos, apontado como autor do homicídio que vitimou Lucilene da Silva Chagas

O auxiliar administrativo, Marcos dos Santos Conceição de 37 anos, apontado como autor do homicídio que vitimou a tosadora de animais, Lucilene da Silva Chagas, no final de outubro, em Limeira, confirmou a versão do crime dada à polícia, no ato da prisão, durante reconstituição realizada na manhã de hoje(04) no local do crime.


Leia Mais

+ Mulher desaparece após ser abordada por carro em Hortolândia
+ Corpo de mulher desaparecida é encontrado carbonizado em Limeira
+ Suspeito de matar e atear fogo em mulher desaparecida é preso em Hortolândia
+ Velório de mulher assassinada em Limeira acontece em Hortolândia

Para a polícia e para a perícia criminal não há contradição entre o depoimento e a reconstrução da cena. Lucilene foi morta com pancadas na cabeça e queimada numa estrada rural do bairro do Pinhal na cidade de Limeira.

A amásia dele, que foi ao local do crime pouco depois do assassinato, mudou a versão e disse que sabia da morte da vítima. Até então, ela alegava que veio à Limeira sem saber o que tinha ocorrido. Para o delegado William Marchi, ela não cometeu nenhum crime e continua identificada apenas como testemunha.

O auxiliar está com a prisão preventiva decretada e foi encaminhado para o CDP de Limeira.

Fonte: TV Jornal de Limeira

Carregar mais em Polícia

Leia também

TÉCNICO ELETRÔNICO DE MANUTENÇÃO (Injetoras de Plástico) – v1811856

Detectar defeitos elétricos / eletrônicos em máquinas e equipamentos utilizados pela empre…